FCP 101: Descontinuação e remoção de módulos Ethernet 10/100

A descontinuação de tais dispositivos deverá ocorrer antes do FreeBSD 13.

O problema

Cada dispositivo de rede cria "atrasos" na tentativa de melhorar a pilha de redes ou na criação de novas funcionalidades como por exemplo expansão da compatibilidade 32-bit. Por exemplo, o autor precisou editar cada driver de placa de rede ao mínimo uma vez no último ano para atualizar interfaces de gerenciamento das mesmas (ioctl). Esta situação pode ser melhorada com a conversão de tais drivers para a iflib, mas cada módulo exige trabalho adicional.

Dispositivos 10 e 100 megabit são altamente irrelevantes hoje em dia e há um número significativo deles na árvore dos fontes. Os que não são utilizados ou os que o estado de funcionamento é desconhecido serão removidos para reduzir a carga de desenvolvimento.

Durante a última década, a maioria dos sistemas (incluindo pequenos embarcados) tem saído de fábrica com interfaces Gigabit Ethernet e máquinas virtuais comumente emulam interfaces gigabit. Suporte a dispositivos físicos e virtuais populares será obviamente mantido enquanto hardwares incomuns terão o suporte removido. Com algumas exceções, tais drivers provavelmente não estarão mais em uso pela base de usuários do FreeBSD no momento em que a versão 12 virar obsoleta (aproximadamente em 2024).

Dispositivos que serão removidos: ae, bfe, bm, cs, de, dme, ed, ep, ex, fe, pcn, sf, smc, sn, ste, tl, tx, txp, vx, wb, xe

Dispositivos que serão mantidosdc, fxp, hme, le, rl, sis, vr, vte, xl

Para maiores detalhes de como a transição será feita, acompanhe o link de referência abaixo.

Fonte: FCP 101: Deprecation and removal of 10/100 Ethernet drivers