Imprimir

Uma das grandes vantagens do software de código aberto é a possibilidade de poder contribuir diretamente com o projeto de inúmeras maneiras, sem a necessidade de habilidades de programador para isso, outra possibilidade é a criação de projetos  a partir dele. Claro que a contribuição vai além do desenvolvimento do software, temos a tradução, a divulgação, a documentação, enfim uma infinidade de maneiras de contribuir com o projeto, com isso temos o benefício de um software de qualidade e aberto para o usuário.

O que aconteceria se o mundo da segurança cibernética fosse democratizado da mesma forma que o desenvolvimento de software foi democratizado pelo código aberto?

E se aplicássemos os mesmos princípios de democratização e acesso gratuito à segurança cibernética? Em outras palavras, e se alguém pudesse contribuir com iniciativas de segurança e ajudar a construir uma cultura de segurança cibernética sem exigir acesso privilegiado ou conhecimento especializado?

 

Para explorar essas questões, vale a pena considerar a maneira como o código aberto democratizou o desenvolvimento de software e compará-lo com o potencial que podemos realizar ao democratizar a segurança.

 

Embora a conexão entre software de código aberto e segurança democratizada vá tão longe, pensar por esse ângulo sugere uma nova abordagem para resolver os desafios de segurança cibernética que se tornaram tão intratáveis ​​para as empresas modernas.

Leia mais sobre esse assunto na publicação original "Open Source Democratized Software. Now Let’s Democratize Security", e você qual a sua opinião sobre isso?

Fonte: https://thenewstack.io/open-source-democratized-software-now-lets-democratize-security/